* Este post tem informações práticas e atualizadas  na data da publicação que você precisa saber antes de viajar para Lombok. Então, para não ficar muito extensa sua leitura, dividimos em duas partes. Leia, imprima os dois posts e leve com você.

lombok-island-map

Lombok é a irmã mais nova de Bali, a estrela da Indonésia, e é promessa do turismo no país. Segundo dados divulgados pelo Ministério de Turismo da Indonésia, no ano passado, o país recebeu em torno 10 milhões de turistas.

Quase metade deles teve Bali como destino, promovendo um crescimento de 22% em relação ao ano anterior. Os turistas são na sua maioria Australianos (pela proximidade) seguidos dos chineses, japoneses e indianos.

Lombok também está mira pela mesma riqueza cultural e belezas naturais e, principalmente, por ser mais tranquila e barata do que Bali. E o setor tende a crescer ainda mais. Até dezembro deste ano Lombok irá receber 24 navios de cruzeiros vindos de Singapura, Austrália e Europa, que também passam pelas ilhas de Bali e Komodo. Para atender a toda essa demanda, o comércio e as redes hoteleira e gastronômica estão em franco crescimento, movimentando a economia dos 3,5 milhões de habitantes.

Belezas Naturais

Assim como Bali, que ostenta o maior vulcão da Indonésia, Lombok tem o segundo maior vulcão. E ativo! A última atividade foi em 2014. O Mount Rinjani tem 3.726 metros de altura e no Parque Nacional Mount Rinjani é possível praticar trekking até a caldeira do vulcão em determinadas épocas do ano. Por questões de segurança e manutenção, o parque fica fechado de janeiro a março, reabrindo em abril.

IMG_20170726_123445727 (1)

Saímos na frente e fomos na contramão da tendência brasileira de ir a Bali, escolhendo Lombok. Nossa decisão foi com a intensão de descobrir algo novo e gastar menos mantendo nosso budget do Projeto Exploring Asia (em breve faremos um post mostrando os custos deste projeto que tem duração de dois meses por vários países do Continente Asiático).

A ilha tem praias de surf de nível internacional, cachoeiras, praias paradisíacas de águas azuis.

Lombok oferece ainda atividades como mergulho, golf, escalada em montanha, além de atividades culturais, um dos artesanatos mais famosos (e lindos!) do mundo, templos, mesquitas e locais históricos. São várias opções em resorts exclusivos de alto luxo, spas, pousadas, hostels econômicos para viajantes com orçamento mais enxuto e hospedarias do Airbnb, além de restaurantes e um aeroporto internacional pequeno, mas novinho em folha.

Como chegar

Para voos internacionais, é possível chegar a Lombok pela Silk Air , vindo de Singapura em voos diretos quatro vezes por semana; pela Air Asia  a partir de Kuala Lumpur, na Malasya (com diversas conexões internacionais disponíveis) duas vezes ao dia, sete dias por semana; e ainda pela Garuda Air Line entre Kuala Lumpur e Lombok, todos os dias com stop-over em Jakarta, em Java, e ainda atendendo conexões com diversos países.

Se você estiver na Europa, existem várias conexões via Jakarta com inúmeras companhias aéreas. Para circular entre Bali e Lombok é possível escolher entre as companhias Garuda Indonesia/Citilink, Lion Air/Wings Air ou ainda Batik Air. O tempo de voo entre as duas ilhas é de aproximadamente 30 minutos e os tickets custam em torno de 35USD. Atualize os valores diretamente com as companhias quando você for viajar.

Como estávamos em Hanoi, no Vietnam, viemos por Kuala Lumpur pela Air Asia. Os preços variam conforme a data e a disponibilidade de passagens. Como estaríamos em trânsito por muitas horas, o Duda optou em comprar as passagens com opção de um lanche incluído.  A Air Asia não serve lanche gratuito. Eles oferecem um cardápio onde você pode escolher e comprar na hora seu lanche. Dica: Comprando o lanche junto com os tickets pelo site, você consegue comprar um combo até pela metade do preço. Sempre vale a pena economizar aqui pra investir ali.

IMG_20170725_153905566 (1)
IMG_20170725_182116273 (1)

O Aeroporto Internacional de Lombok fica em Praya, há 40km ao sul da cidade de Mataram e a 1h de carro de Senggigi. Pegamos um taxi do aeroporto até Senggigi e custou 20UDS, com uma van privada, nova, com ar condicionado, motorista educadíssimo e que falava inglês fluentemente.

O valor foi pago no balcão. Os taxis podem ser contratados em um balcão logo na saída do desembarque. São diversas empresas que oferecem o serviço.

De barco de Bali para Lombok, a viagem é via Padangbai Harbour até Lembar Harbour, que fica na costa sudoeste a aproximadamente 1h ao sul de Senggigi. Você pode comprar os bilhetes diretamente nos portos ou por agência de turismo. Ferry boats públicos saem a cada hora do porto de Padangbai (Bali). A viagem leva de 4 a 5 horas. Até o fechamento desta reportagem, o valor dos tickets eram de 44.000Rp, mas vale atualizar antes de você viajar. Se estiver com pressa de chegar, pode optar por um speed boat com as principais empresas Blue Water Express ou a Gili Getaway. Estes serviços também são oferecidos para as Gilis Islands.

Quanto custa

Em Lombok os preços, em geral, são 40% mais baratos. O aluguel de uma scooter em Bali, por exemplo custa 70.000Rp por dia, enquanto em Lombok pagamos 40.000Rp, o equivalente a 8 Reais (cotação em Julho de 2017. Para confirmar a cotação, use o conversor de moedas da UOL, que a gente sempre usa). As passagens também são mais baratas.

Visto

Brasileiros não necessitam de visto para permanência de até 30 dias no país. Inclusive, assim que desembarcamos, nós confirmamos esta informação diretamente no balcão de Visa on Arrival. Perguntamos se precisaríamos solicitar o documento. O atendente, extremante educado, nos orientou que para o período de até 30 dias, não necessitaríamos de nada. Fomos direto para a fila da imigração e o processo não levou 15 minutos. Aliás, nunca fizemos uma imigração tão rápida e tranquila. O aeroporto é pequeno, mas novíssimo e organizado. Caso você pretenda ficar mais do que 30 dias na Indonésia, é necessário solicitar o visto. E ainda se você decidir depois por permanecer um período maior na Indonésia, você precisa fazer uma Solicitação de Extensão de Visto. Para ambos os casos, existem taxas específicas. Neste caso, pesquise no site da Embaixada da Indonésia em Brasília como proceder corretamente. Esta informação é atualizada conforme a data desta publicação. É importante sempre checar no site da Embaixada se as regras continuam as mesas.

Dinheiro

A moeda na Indonésia é a Rupia Indonesia ou Rp. Para saber a conversão atualizada, já demos a dica do site da UOL, que a gente sempre usa. Em julho de 2017, por exemplo, as conversões estavam em torno de 10.000Rp para cada R$2,00.

Para trocar dinheiro assim que você chega ao aeroporto, você pode acessar uma central ATM (que funciona super bem na Ásia) logo depois do vão principal, quase na saída. Antes disso, várias pessoas vão abordar você para oferecer um balcão de Money Exchange (câmbio).

IMG_20170727_224732356

As vantagens em sacar dinheiro com cartão em um caixa ATM ou fazer câmbio em loja especializada vai depender do país e da operadora do seu cartão. Vale pesquisar antes e comparar. Durante nossa viagem no Projeto Exploring Asia usamos as duas formas em diferentes países.

Essas são dicas práticas, objetivas e atualizadas para quem deseja viajar para Lombok. No post Indonésia: Tudo o que você precisa saber antes de ir a Lombok – Parte 2,  trazemos outras informações sobre: Onde Ficar, Como se Locomover,  Como comprar um chip para celular e internet, além de dicas de Segurança e Comportamento. Acompanhe com a gente nesta super trip!